Arquivo mensal: novembro 2012

Instalando Webmin no Ubuntu 12.04

Para instalar o webmin no Ubuntu 12.04, abra o terminal e adicione os repositórios:

 1-  Edit /etc/apt/sources.list file

sudo vi /etc/apt/sources.list

2- Adicione as linhas a seguir

.

deb http://download.webmin.com/download/repository sarge contrib deb http://webmin.mirror.somersettechsolutions.co.uk/repository sarge contrib

Salve e saia do arquivo

3- Agora você precisa importar a chave GPG

wget http://www.webmin.com/jcameron-key.asc
sudo apt-key add jcameron-key.asc

4- Atualize a lista de pacotes

sudo apt-get update

5- Agora instale o webmin

sudo apt-get install webmin

Faça o acesso pelo endereço:  http://serverip:10000/

Artigo traduzido de: http://www.unixmen.com/201204-install-webmin-in-ubuntu-12-04/

Force VM machine Shutdown ESXi5

The esxcli command can be used locally or remotely to power off a virtual machine running on ESXi 5.0. For more information, see the esxcli vm Commands section of the vSphere Command-Line Interface Reference.

Open a console session where the esxcli tool is available, either in the ESXi Shell, the vSphere Management Assistant (vMA), or the location where the vSphere Command-Line Interface (vCLI) is installed.

Get a list of running virtual machines, identified by World ID, UUID, Display Name and path to the .vmx configuration file, using the command:

esxcli vm process list

Power off one of the virtual machines from the list using the command:

esxcli vm process kill --type=[soft,hard,force] --world-id=WorldNumber

Note: Three power-off methods are available. Soft is the most graceful, hard performs an immediate shutdown, and force should be used as a last resort.

Repeat step 2 and validate that the virtual machine is no longer running.

Apagando arquivos antigos no Red Hat Enterprise Linux 5

Muito tenho visto sobre pessoas com problemas de diretórios cheios de arquivos antigos, seja por backups automáticos ou logs, e que tem problemas para manter seu sistema sempre redondo e principalmente com espaço em disco. Algumas ferramentas são bem específicas quanto à resolução do problema. Pesquisando um pouco mais vi uma ferramenta fácil e bem interessante de se usar que é a tmpwatch. Logo abaixo cito um exemplo muito simples de verificação e execução de um diretório com a ferramenta:

# tmpwatch -umc 30 /var/cache/logwatch

O comando acima verifica o diretório do logwatch, uma ferramenta que verifica logs do sistema e que enviam mensagens para o root ou outro usuário de acordo com sua configuração. Em alguns sistemas o logwatch tem problemas para apagar automaticamente seus logs gravados em cache, o que pode encher o diretório /var, que em alguns servidores pode ser bem limitado.

Caso deseje saber o que vai acontecer no comando você pode adicionar a opção -t, que vai testar a execução, bem como a opção -v que vai jogar o verbose do comando na tela para que você veja o que foi produzido.
Forte Abraço!