Arquivo mensal: setembro 2010

Adicionando Espaço de Swap no FreeBSD

Não importa a forma que você planeje a instalação do seu sistema, que ela seja tão bem quanto você pensa, algumas vezes um sistema não funciona como é esperado. Se você acha que precisa de mais espaço de swap, é muito simples de adicioná-lo no seu sistema FreeBSD. Existem três maneiras de aumentar o espaço de swap: Adicionando um novo HD, habilitando swap sobre uma NFS, e criando um arquivo de swap em uma partição existente

Caso você necessite de colocar um novo Hard Drive para usar como swap, releia a Seção 11.2 do Hanbook FreeBSD para mais instruções.

Criar um swap utilizando de recursos NFS só é recomendado se você não possui um Hard Disco local para tal finalidade; O swap por NFS também será limitado pela quantidade de banda disponível na rede e adiciona uma carga de processamento ao servidor de NFS.

Swapfiles

Você pode criar um arquivo de um tamanho específico para utilizar como um arquivo de swap. Em nosso exemplo aqui iremos utilizar um arquivo de 64MB chamado /usr/swap0. Você pode usar qualquer nome que desejar, claro.

Criando um arquivo de Swap

1.

Verifique antes se a configuração de seu kernel inclui o driver de disco de memória (md(4)). Este drivere instalado por padrão no kernel GENERIC.

device md # Memory “disks”

2.

Crie o arquivo de swap (/usr/swap0):

# dd if=/dev/zero of=/usr/swap0 bs=1024k count=64

3.

Configure as permissões em (/usr/swap0):

# chmod 0600 /usr/swap0

4.

Habilite o arquivo de swap file no /etc/rc.conf:

swapfile=”/usr/swap0″ # Set to name of swapfile if aux swapfile desired.

5.

Reinicie a máquina ou habilite o arquivo imediatamente digitando o comando abaixo:

# mdconfig -a -t vnode -f /usr/swap0 -u 0 && swapon /dev/md0

Traduzido por Mundonix do HandBook FreeBSD

Instalando e utilizando o Zimbra

O Zimbra, é uma suite colaborativa de e-mail muito poderosa, cujo foco é ser uma alternativa livre ao Microsoft Exchange. Com suas duas versões disponíveis, a versão Network Edition (NE) e a Open Source, ele consegue, no mínimo equiparar-se a solução oferecida pela Microsoft, tendo a sua versão NE voltada a empresas que precisam de suporte e ferramentas de backup mais avançadas.

Neste artigo, iremos abordar a versão Open Source, a qual não possui o suporte da equipe de desenvolvimento, bem como algumas outras limitações. Limitações estas que não devem impedir o seu funcionamento e aplicação em pequenas e médias empresas.

Caso você prefira, pode efetuar o download da versão Trial do Zimbra Network Edition, para efetuar testes.

Continuar lendo

Install SNMP on UBUNTU Linux

1. SNMPD

SNMPD is the service running SNMP on a managed entity. SNMP comes in 3 versions. Version 1, the one we are going to use here is not secured, therefore we are going to make sure that only localhost is going to be able to access it.
People opening the service to the outside should make sure that trusted hosts can access the service either though the use of iptables or through the use of /etc/hosts.allow.

1.1. Installing the SNMP server

The only package which is required on the server site is snmpd, the SNMP daemon.

To install it type:

$ sudo apt-get install snmpd

snmpd is now installed but we still have to tweak it a little bit to make it work as we want.

1.2. Configuring SNMPD

The first thing we want to make sure is that snmpd is only going to wait for connections on localhost. To do this, edit file /etc/default/snmpd and make sure those values are set:

SNMPDRUN=yes
SNMPDOPTS=’-Lsd -Lf /dev/null -u snmp -I -smux -p /var/run/snmpd.pid 127.0.0.1′

If you want your server to listen on all interfaces, remove the 127.0.0.1 bit.

This setting will make sure that the service will be started and that the service is going to bind to localhost.

Finally, we are going to configure snmpd in such a way that it will only return datas to trusted host for a specific community.

Edit /etc/snmp/snmpd.conf and make sure that com2sec it only set to:

com2sec readonly localhost mycommunity

If you want a remote machine to be able to gather information for the community mycommunity, make sure you replace localhost by mynetwork, where mynetwork can be of the form: 1.1.1.1 or 1.1.0.0/16.

1.3. Checking SNMP configuration:

We are going to use the snmpwalk utility to verify that the server is working as wanted.

Here we want snmp to reply only to localhost for the community mycommunity.

From localhost

$ snmpwalk -Os -c mycommunity -v 1 localhost system

Should return a lot of output and:

snmpwalk -Os -c public -v 1 localhost system
Timeout: No Response from localhost

[Debian] Apt-get : NO_PUBKEY / GPG error

Problema

Quando tentamos atualizar um sistema baseado em Debian, pode acontecer do apt-get mostrar um erro do tipo:

W: GPG error: ftp://ftp.debian.org/ testing Release:
The following signatures couldn't be verified because the public key is not available: NO_PUBKEY 010908312D230C5F

W: There is no public key available for the following key IDs:
010908312D230C5F

Este é um recurso do apt-ge que garante a autenticidade dos servidores de atualização da debian.

Solução

Simplesmente digite os comandos a seguir, tendo o cuidado de alterar o número da KEY que foi mostrada na mensagem de erro:

gpg --keyserver pgpkeys.mit.edu --recv-key  010908312D230C5F
gpg -a --export 010908312D230C5F | sudo apt-key add -